COMEMORAÇÃO DE 5 ANOS DO ILÊ ORIXÁ

COM AXÉ DE OSSANHA

A família Ilê Orixá comemorou os seus 5 anos de fundação com o axé de Ossanha neste ano de 2016, os xirês mensais realizados dentro do axé foram dedicados a orixás diferentes, sendo dedicado ao orixá da saúde, o médico da religião tradicional africana. Ossanha em nossa tradição está associado a cor amarela com verde e o seu axé ao número 7, é o dono de todas as folhas e conhecedor dos segredos de todas elas.

Nestes 5 anos a família cresceu bastante em tamanho, em fé em dedicação e principalmente em união, todos em uma mesma sintonia, todos em prol de um mesmo objetivo, o de cultuar os orixás com respeito, humildade, fé e carinho. E a nossa família é especial, não pelo tamanho ou por quem a forma, mas pelo respeito que todos possuem pelos orixás e por cada irmão do axé.

No axé colocado no quarto de santo para Ossanha, foi o momento de pedir e também de agradecer a Ossanha, pedir saúde aos que precisam, e agradecer a muitas graças que recebemos, ninguém faz nada sem folha, ninguém faz nada sem o axé de Ossanha, dai a importância de todos os Ilês terem em suas casas plantas variadas, que além de receberem pássaros, fornecem as folhas que precisamos para axés. Não existe religião sem folha, não se faz religião sem terra, pois o orixá é parte integrante da natureza.

O Ilê Orixá entende que toda comida de axé pode e deve ser servida nos terreiros, pois além de uma forma de manter a tradição se fortalece o axé do orixá, se constrói uma identidade religiosa e também se minimiza distância com o sagrado, pois estamos ingerindo um alimento que é sagrado, e tudo é axé dentro de um terreiro.

Na ocasião do xirê de comemoração foi servido axé de Ossanha para todos os que estavam presentes, além de ser servido o mesmo axé no quarto de santo. Todos degustaram de linguiça, couve, farofa com dendê e ovo cozido, oque forma um dos axés que servimos ao Orixá Ossanha, em momentos especiais solicitados por ele conforme consulta a Ifá.

Pai Alexandre de Oya Tofã e Pai Ronie de Ogum Adioko desejam a todos os filhos e amigos do axé que além de prestigiarem a noite degustaram do axé de Ossanha, e lembram que todos os que compartilharam do axé, comeram parte do axé de Ossanha, os nutrindo de saúde e força, criando maiores condições de combater doenças, pois se nutrem do axé.

 

Comemoração do 5 anos do Ilê Orixá com axé de Ossanha / Antes de iniciar saudar Exú Bará / Laranjas e maças decoraram o quarto de santo

Tweetar

É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site, sem autorização por escrito - Ilê Orixá -2011 - Designer e Texto Ronie de Ogum Onire

Publicado em 06/11/16 - Lei de Direito Autoral nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998.