Muitos doces alegraram o Natal

 

A alegria do Natal não seria completa se fossem distribuídos apenas brinquedos, pois é uma data onde todos se reunem, pensando nisso o Ilê Orixá preparou um lanche especial a todos que participaram do Natal Social, com direito a cachorro quente, torta, bolo, brigadeiro, branquinho, gelatinas entre outros doces e guloseimas que foram servidas.

As crianças se lambuzaram com doces, e aproveitaram uma tarde de natal como muita diversão, sonhos e alegrias.

Um lanche diferenciado no Natal é importante para ajudar a resgatar a cidadania de crianças que vivem com algumas privações nos seu dia-a-dia. Privações as vezes impostas pela sociedade, por circunstâncias as vezes não justas, mas que fazem com muitas crianças sejam injustiçadas.

O Ilê Orixá entende, que todos somos responsáveis por minimizar um pouco o sofrimento da sociedade, e que cada um deve ajudar como pode, se cada um fazer a sua parte, será possível melhorar a vida de todos.

Não é possível uma casa que se diz de axé cruzar os braços a sociedade que carece a sua volta. Toda casa de axé, toda religião, deve ajudar de alguma forma. São atitudes como estas que irão fazer nossa religião ser respeitada pela sociedade. Criticamos outros credos, somos criticados pelos outros. Mas o que fazemos de positivo? O que a sociedade sabe de dentro de nossos terreiros? Cada um de nós, é responsável pela imagem que deixamos transpassar. Não adianta falar bonito, dizer que se faz o bem, se nada se faz para mudar. Para mudar a primeira atitude deve ser fazer, quem quer fazer faz.

É importante que cada um refleta se seu Ilê fica mais preocupado em mostrar suas instalações, espaço físico, ou se preocupa mais com sociedade que está a sua volta? E o que é mais importante para a comunidade? O que a comunidade que está em nossa volta carece mais? O que é mais importante para quem carece de necessidades básicas? O Natal deve ser uma oportunidade de todos refletirmos, repensar o caminho que estamos indo. Somente mudamos o futuro quando mudamos nossas atitudes.

O Ilê Orixá, procura colocar a ajuda social como meta principal a ser atingida dentro de seu terreiro. O mais importante é o bem comum, o coletivo é mais importante que o individual, e vaidades individuais devem ficar do lado de fora. A beleza interessa ao homem e o coração puro com boas atitudes aos Orixás.

Confira também outras festas de natal: [2011] [2012] [2013] [2014] [2015] [2016]

Revisão em 16/01/2017