ORIENTAÇÕES AOS FILHOS DO

AXÉ ILÊ ORIXÁ

 

1 - Ao entrar no Ilê, primeiramente cumprimentar o Orixá Bará Lodê e Ogum Avagã (pedir na frente)

Bará sempre é o primeiro a ser referenciado, em qualquer situação.

2 - Se dirigir ao quarto de santo (peji) e bater cabeça.

Isso é regra básica, não se entra em uma casa de axé sem cumprimentar os Orixás da casa, aqueles que não se sentem a vontade ao fazer isso, devem repensar o que fazem em um Ilê.

3 - Cumprimentar todos os presentes que estiverem na casa, sem exceção.

Em uma casa de axé cumprimentar quem é de axé começa pela mão, onde beijamos a mão de cada um, isso representa cumprimentar o Orixá e não a pessoa. Ao não fazer isso ignoramos o Orixá da pessoa. De nada adianta pedir para Oya por exemplo.

4 - Tudo que sujamos, devemos limpar. Na hora que sujou.

Se deixar para depois sempre alguém irá limpar, e isso não é correto, quem suja limpa. Deixar para limpar depois é sempre desculpa para quem não quer limpar, pois sabe que alguem o fará. Não se sai do local onde sujou sem limpar.

5 - Em uma casa de axé todos são iguais.

Não importa se tem dinheiro ou não tem, se a pessoa está limpa ou não. Se é de bem ou não. Todos são bem vindos. Independente de suas crenças, de suas escolhas e de suas características, Orixá não diferencia ninguém. Discriminar ou praticar atos de discriminação dentro de um axé não é admissível.

6 - Todos cansam.

Sem exceção, por isso não é possível aceitar sempre as mesmas pessoas ajudando a limpar, a lavar, a servir. Isso é tarefa de todos. Não somos diferentes por o que temos. Nossa conduta ritual é que nos diferencia.

7 -A quartinha é de responsabilidade do filho.

Religião é compromisso, desta forma quem tem quartinha é o responsável por cuidar dela.

8 - Tudo que você quebra alguém compra.

Temos que cuidar de tudo que existe em um axé, pois é de todos. Se está ali, alguém comprou. Então se quebrar tem que comprar, viu alguém quebrar, deve pedir que providencie.

9 - Ser humilde.

Orixá é humilde, e nós não vamos ser? Perder a humildade é o primeiro passo errado na religião. E as pessoas começam a perder a humildade quando melhoram sua vida, quando deixam de agradecer, o que recebem. Quando se acham superiores.

10 - Respeitar para ser respeitado

Não gostar de alguém não dá o direito de desrespeitar. Todos os que estão dentro do axé merecem e devem ser respeitados.

11 - Servir para ser servido.

Cada vez que um filho faz obrigação, alguém o serve, lava sua louça, limpa, auxilia nas mais diversas atividades. Issso é tarefa de todos. Você foi servido, deve servir também. Lavaram a sua louça? Quando você vai lavar.

12 - Axés devem vir prontos.

Com exceção aos axés que são combinados anteriormente para serem realizados no Ilê, todos devem trazer seus axés prontos. Com todos os materiais que serão utilizados.

13 - Mel e epô

Faz parte do axé, trazer a canjica e não trazer o mel não adianta. Usou o mel, tem que trazer. Todos podemos esquecer, mas todos também devem ajudar quando são ajudados. Usou mel epô, tampar para evitar a infestão por abelhas.

14 - Quando tiver irmãos do axé de obrigação, bater cabeça para todos.

Estamos cumprimentando o seu Orixá e o seu filho.

15 - O orixá não tem obrigação de bater cabeça para ninguém.

Mas nós temos obrigação de bater cabeça para todos. Não é admissível uma pessoa nova, que não está doente colocar a mão para o Orixá bater cabeça e ela apenas se ajoelhar.

16 - Nunca interromper uma obrigação

Chegou no meio de uma obrigação, deve ficar até o fim. Sair antes é como dizer ao Orixá já lhe servi, não preciso terminar de ver o que vem depois. Não quer ficar até o fim não venha

17 - Não quebrar um axé.

Quando se está passando um axé para alguém e se está presente não saia antes do axé terminar. Não pode ficar até o fim. Saia antes de iniciar o axé. Não passar atraz na hora de um axé.

18 - Todas as obrigações são plantadas após a levantação.

Se você nunca plantou, saiba que sempre existe alguém que planta, que organiza e limpa o quarto de santo. Em dias frios, quentes, de chuva, sempre é feito. Já agradeceu aos irmãos que plantaram seus axés?

19 - Colocou guias ou objetos em uma obrigação para marcar, tem obrigação de estar presente na levantação.

O axé não se encerra no dia do corte, é apenas o primeiro passo da obrigação. Está fica encerrada no dia em que a levantação for realizada. Quem não estiver no dia da levantação, as guias serão despachadas.

20 - Religião é união, amor, e respeito.

Não estamos em uma empresa, onde existe uma disputa. Todos são iguais. O axé de uma casa cresce com o axé de todos. Fez mal ao seu irmão, fez pra você também. Na religião africana tudo que vai um dia volta. Se ajudamos, somos ajudamos, se confortamos, um dia seremos confortados. Se ajudamos alguém na sua saúde, recebemos saúde.

21 - Ninguém sabe que se ocupa

Desta maneira devemos evitar comentários sobre os santos da casa, sem primeiro ter a certeza que o filho não está ali.

22 - Durante o axé não se faz uso do celular

Todos podem atender o celular se tocar, todos podem telefonar se for necessário, mas é preciso bom senso. Não se pode estar no celualr durante uma obrigação, durante uma limpeza ou ainda enquanto se faz um axé. Para tudo existe o momento adequado, a hora correta.

 

É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site, sem autorização por escrito - A apropriação indevida é crime.

Ilê Orixá -2011 - 2014 Designer Pai Ronie Ogum Onire - Publicado em 28/05/2014 Revisão em 27/05/2017

Rua Vidal Brasil, 559 e 569 - Novo Mundo - Gravataí - RS Fone: (51) 3497 4127 - 98382598 contato@ileorixa.com.br

.

Tweetar

;