A decoração do quarto de santo

 

Àse ti doyún nle àiyé, Àto ti domo

(O Àsé estendeu-se e expandiu-se sobre a terra, o sêmen tornou-se filho.)

 

A decoração do quarto de santo sempre está relacionada com a o obrigação que ocorre, o batuque do dia 10/10 teve como como homenagem Ogum, por isso o destaque dado as cobras (axabá), que representam ferramentas deste orixá. A laranjá é sua principal fruta, por isso sempre nas comemorações a Ogum no Ilê Orixá nunca ficam faltando, e constantemente são distribuídas na casa.

Vale lembrar que Pai Ronie e Pai Alexandre vieram de bandeira de Xangô Aloxé, por isso sempre é dado importante destaque ao Orixá Xangô, e esta obrigação foi a primeira festa da comemoração dos 10 anos de Ogum Adioko, data em que Pai Ronie cortou para seus orixás e de filhos, por iso nada mais correto do que destacar Xangô logo na entrada do peji.

Na frente do quarto de santo é destacado também ocutás, representando orixás assentados aos filhos do axé, e ao fundo um ala branco cobriu toda a obrigação que ainda estava no chão durante o toque, pois segundo o que aprendemos a primeira festa de uma obrigação grande é com a obrigação ainda no chão.

É sempre muito prazeroso decorar um quarto de santo para prestigiar nossos orixás pois é onde ficam nossas obrigações, é o local mais sagrado dentro de qualquer terreiro, é onde nos fortalecemos, onde resgatamos nossa ancestralidade e alimentamos nossa fé. E a partir de agora o Ilê Orixá expande o seu axé com os orixás dos filhos que foram assentados.

 

Veja também: Abertura do Bará / Chamada aos Orixás / Decoração externa / Momentos de descontração /

Quarto de Santo / Filhos de obrigação / Axé da balança / Família e amigos

Tweetar

 

 

É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site, sem autorização por escrito - Ilê Orixá -2011 - Designer Ronie Ogum Onire

Publicado em 17/11/2015

 Lei de Direito Autoral nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998.