Axé da Balança

Sempre que existe obrigação de 4 pé em uma casa de axé, esta deve ser confirmada com uma balança para Xangô, Orixá que analisa a obrigação e nos mostra como esta ocorreu. Segundo os mais antigos de acordo como se dá a chegada dos Orixás na balança nos é possível saber como foi a obrigação. É um axé de muito mistério e segredos.

Somente os que apresentam obrigação de 4 pé é que podem participar do axé da balança, que é um axé de confirmação de uma obrigação de 4 pé.

Esta balança confirmou o bori de Pai Alexandre de Oya, que cortou para o seu bori, apadrinhado por Fernanda Henrich de Xangô, no dia 07 de dezembro. Também cumpriram preceitos de bori de 4 pé, duas de suas filhas de santo que estavam de obrigação, sua filha Cláudia de Iemanja, no dia 07 de dezembro e Érica de Oya, que fez seu bori de 4 pé no dia 13 de dezembro.

Esta balança foi composta por 24 pessoas, entre alguns amigos e filhos do axé, em uma grande demonstração de união, força e axé.

 
Tweetar

[Alguns dos amigos que prestigiaram a festa para Oya Tofã] [Axé da balança] [Todos reunidos para saudar Bará Exú] [Batizado nos moldes yoruba]

[Chamado aos Orixás] [Bela decoração externa para Homenagem aos Orixás] [Homenagem Fernanda de Xangô] [Alguns Filhos do Axé presentes na obrigação]

[Filhos de Obrigação ] [Uma bela decoração para homenagear Oya Tofã ] [União de todos para saudar os Orixás] [Grande Axé]