2012: A CONSOLIDAÇÃO DO ESPAÇO ILÊ ORIXÁ

 

O ano de 2012, encerra no Ilê Orixá como um ano de muitas conquistas e realizações. As conquistas se estabeleceram no carinho da comunidade local, nas alegrias dos filhos de santo e na consolidação do Ilê Orixá como um espaço sagrado de culto aos Orixás, trabalho social de verdade e aprendizado.

O culto aos Orixás esteve presente nas diversas atividades religiosas realizadas ao longo do ano, nos axés de saúde que constantemente são realizados, na receptividade diária com que são atentidos os amigos e a comunidade em geral.

Realizar trabalho social de verdade é fazer acontecer. Nós do Ilê Orixá temos orgulho em mostrar o trabalho realizado, o trato com que todos são iguais, gestos de carinho, que neste ano de 2012, romperam as barreiras do terreiro, alias barreiras que nunca existiram para quem bateu a nossa porta.

Uma casa de axé, dentre outras coisas é responsável por fazer com que seus filhos aprendam, que possam um dia perpetuar o axé aprendido. Pensando nisso foram realizadas oficinas sobre temas variados, para facilitar o aprendizado e compreensão dos assuntos tratados. Faz parte da filosofia do Ilê, que se aprende fazendo.

No dia 07 de abril foi realizada a festa de páscoa para as crianças, que contagiou dezenas de crianças da comunidade.

Foram realizadas duas campanhas do agasalho, nos dias 20 de maio e 23 de junho, na sede do Ilê Orixá e no Clube de Mães Cruzeiro II, totalizando uma distribuição de mais de 900 peças de roupas, dezenas de pares de calçados e utensílios variados.

Nos dias 21 de abril e 28 de abril Pai Alexandre de Oya teve sua obrigação confirmada, no Ilê de Oxum Miuá, e recebida no Ilê Orixá no dia 31 de maio.

Já no dia 21 de julho, foi organizada Mesa de Ibeji para comemorar a chegada da obrigação de Pai Alexandre de Oya, que se aprontou no ano de 2007 e confirmou sua obrigação em 2012.

Nós do Ilê Orixá, temos orgulho em destacar também a realização do Sopão Comunitário realizado no dia 11/08, que ajudou a resgatar a cidadania de algumas pessoas carentes do local, e integrar o Ilê a comunidade.

No mês de setembro foram abertas as portas do Ilê para o aprendizado com oficinas temáticas africanas. Neste primeiro ano foram realizadas três oficinas, respectivamente de axés, dança e ervas, que serviram de aprendizado aos filhos e amigos da casa.

Outubro se consolidou como o mês dedicado ao Orixá Ogum, com uma linda homenagem ocorrida no dia 27, que mobilizou a todos da comunidade, amigos e filhos do axé.

O mês de dezembro foi intenso e cheio de atividades, a obrigação aos Orixás Oya e Xangô, no dia 15 de dezembro, a tradicional limpeza de fim de ano no dia 22 e a festa de natal social das crianças no dia 23.

Para encerrar o ano, o Ilê Orixá preparou um tabuleiro como agradecimento do ano de Oxalá que foi entregue no dia 30 de dezembro no Sítio Ilê Ifé.

E por fim, no dia 31 de dezembro, é dia de renovar o axé, é dia limpar e preparar para receber o novo ano, se desprender de energias cansadas e buscar novas energias. Ano novo, energia nova, e para isso todas as quartinhas foram renovadas, para buscar o axé da renovação, o axé da pureza. Um axé de harmonia, paz e tranquilidade.

 

 

 

 

[2011] [2012] [2013] [2014] [2015]

É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site, sem autorização por escrito - A apropriação indevida é crime.

* Texto escrito por Pai Ronie de Ogum , não autorizada a publicação em outros meios. Publicado em 31/12/2012 Revisado em 07/01/2013

 Lei de Direito Autoral nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998. 

Ilê Orixá -2011 - Designer Pai Ronie Ogum Onire