A decoração externa que encantou, nos 11 anos de Oya Tofã

Não é somente no quarto de santo ou no salão que se faz uma obrigação religiosa, é na cozinha, na rua e em todos os demais lugares que constituem o axé, pois tudo é impregnado de axé, todo espaço de um Ilê é sagrado e importante. No Ilê Orixá, desde a sua fundação em 2011, a natureza sempre esteve presente, sempre esteve ao lado de todas as comemorações do sagrado.

Os 11 anos de Oya Tofã de Pai Alexandre de Oya foram comemorados em uma uma obrigação regada com muita fartura e carinho em todos os espaços do Ilê, e o vermelho foi a cor predominante. Para a comemoração foi servido um mini bolo em cada mesa, representando um dos aniversários de Oya Tofã, que ao final do batuque foram distribuídos. Em cada detalhe é possível perceber o respeito com os orixás de cada um, pois todos são iguais.

Além de Oya também foram feitas mesas para Xangô, que é o orixá que iniciou Pai Alexandre e também Pai Ronie, uma mesa para Ogum, uma outra mesa com bolos dos orixás aniversariantes, uma mesa para Oxum, outra para Oxalá e Iemanjá.

A decoração externa do Ilê foi toda realizada por Pai Alexandre de Oya, com a ajuda de alguns dos filhos do axé Ilê Orixá.

Pai Ronie de Ogum Adioko
Sobre Pai Ronie de Ogum Adioko 486 artigos
Pai Ronie é Licenciado em Matemática pela Uniasselvi, especialista em Mídias para educação (UFRGS), especialista em história e cultura afro (Uniasselvi). É babalorixá no Ilê Orixá, escritor, professor e estudioso da religião de matriz africana.

Seja o primeiro a comentar