A marca do axé

O Ilê Ogum Adiokô e Oya Tofã, apresenta a marca do axé, o logotipo que será utilizado como símbolo a partir de hoje. A logomarca foi desenhada com muito cuidado e carinho pelo Prof. e Escritor Willy Rosa, Licenciado em História pela Pontifícia Universidade Católica (PUC/RS), sob a orientação de Pai Ronie, que lhe mostrou o significado da casa e a simbologia que deveria ser utilizada, para melhorar representar os Orixás da Casa.

As duas espadas cruzadas representam a força e união dos Orixás Ogum e Oya. A espada é a ferramenta que corta, serve para cortar o mal que se aproxima, cortar a mentira, e a impunidade. É Ogum quem executa a ordem, é ele quem pune o malfeitor. Oya juntamente com Ogum cortam com suas espadas tudo aquilo que não é bom para trazer a paz verdadeira a todos.

A bigorna, uma das principais ferramentas do Orixá Ogum faz a todos lembrar que sem Ogum não existiria nenhuma ferramenta, que todas as armas e ferramentas, antes de serem dos outros Orixás, foram forjadas por Ogum, juntamente com sopro divino de Oya, que como sua esposa o ajudava.

A irukere de Oya, mantém todos os maus espíritos afastados daqueles que estão sob sua proteção e cria um local de pureza e resgate com o divino e de limpeza espiritual.

Os búzios nos levam a sabedoria, paz e a tranquilidade dos Orixás, e nos mostram que somos seguidores de Ifá. A totalidade de 16 búzios em torno, representa Oxum, madrinha da Casa juntamente com Xangô.

O Círculo aberto, representa a continuidade, o inacabado, pois nunca estamos completamente prontos, estamos sempre nos aprimorando, e na religião sempre aprendendo.

A cor cobreada utilizada representa o aye em sua totalidade, já que estamos todos inseridos nele, e o branco dos búzios lembra Oxalá, que com seu alá, nos abençoa, e nos faz lembrar que a existência no aye é passageira, para nunca esquecer do divino. Para lembrar que ações de hoje refletirão amanhã. Que Xangô vê todas as nossas ações para julgá-las.

Assim o Ilê Orixá representa um local de resgate da religião africana, que através da força dos Orixás Ogum e Oya afasta todas as pessoas e espíritos ruins para desenvolver a fé a paz e prosperidade, sempre orientados por Ifá, que nos orienta para todas as decisões, a fim de não deixar a vaidade e vontade dos homens acima da decisão divina.

Sobre Pai Ronie de Ogum Adioko 973 artigos
Licenciado em Matemática (Uniasselvi), Graduando em Química (UNIP), especialista em Mídias para educação (UFRGS), especialista em história e Cultura Afro (Uniasselvi). É babalorixá no Ilê Orixá, escritor, professor e estudioso da religião de matriz africana.

Seja o primeiro a comentar