Ilê orixá realiza o batizado de crianças

Na última sexta-feira, dia 27 de setembro foi realizado mais um rito de batismo (Isomoloru) dentro das dependências do Ilê Orixá. O rito foi conduzido por Pai Ronie de Ogum Adioko e acompanhado por Pai Alexandre de Oya Tofã, filhos do axé e alguns amigos da casa.

Com este rito de batismo já se somam um total de onze crianças que foram batizadas de acordo com os preceitos de nossa religião africana, e coloca o axé como uma casa onde as crianças podem ser batizadas de acordo com nossa tradição, sem a necessidade de utilizar de ritos de outros credos, e ainda é importante salientar que não é necessário a criança ser do axé.

O batizado não consiste em um rito de iniciação, o que desta forma não coloca nenhuma criança sob responsabilidades religiosas. E ao não se tratar de um rito iniciático qualquer criança pode ser batizada dentro de nossa tradição, para isso é necessário apenas que os responsáveis pela criança preencham solicitação anteriormente e desta forma será agendado data para a realização de batismo, que atualmente no Ilê Orixá é disponibilizada uma data anual.

Na ocasião foi realizado o rito de batismo das crianças:

  • Renata da Silva Pereira, filha de Marcelo Tadeu Pereira e Vanessa da Silva, apadrinhada por Jader Juarez da Rosa e Simone de Lima da Rosa
  • Vitória Gabrielle da Silva Pereira, filha de Marcelo Tadeu Pereira e Vanessa da Silva Pereira, apadrinhada por Alexandre Silveira dos Reis e Ronie Ánderson Pereira
  • Ana Clara Barcelos Fonseca, filha de Rodrigo Trindade fonseca e Caroline Vargas Barcelos, apadrinhada por Janaína de Souza Moraes e Isabel Cristina Gonçalves Amaral
  • Isabella Barcelos Machado, filha de Alan Patrick Lopes Machado e Caroline Vargas Barcelos, apadrinhada por Isabel Cristina Gonçalves Amaral e Janaínaa de Souza Moraes
  • Pietro ribas de Oliveira, filho de Tânia Ribas de Oliveira, apadrinhado por Volnei Sandro Scoppel e Vanize Lopes da Silva

Com o batizado a criança ficada amparada, tendo mais proteção em sua vida, mais propensa ter menos problemas de saúde e também estando mais sujeita a se desenvolver melhor, que todas as crianças que receberam o batismo tenham a cada dia mais condições de viverem de plena e saudável suas vidas.

Pai Ronie de Ogum Adioko
Sobre Pai Ronie de Ogum Adioko 671 artigos
Licenciado em Matemática (Uniasselvi), Graduando em Química (UNIP), especialista em Mídias para educação (UFRGS), especialista em história e Cultura Afro (Uniasselvi). É babalorixá no Ilê Orixá, escritor, professor e estudioso da religião de matriz africana.

Seja o primeiro a comentar