Pai Paulo de Ogum Avagã forja Ogum em ferro

Que a noite do dia 26 de outubro está na memória de cada um que passou pelo Ilê Orixá, isso é inegável, somente quem viveu sabe, somente quem esteve entende, e somente quem é do axé sabe o quanto se dedicou e trabalhou.

Mas Pai Paulo de Ogum Avagã, foi além disso, ao presentear o Ilê Orixá com um vulto de ferro, forjado pelas suas mãos para representar Ogum, isso é muito mais que apenas viver uma noite, é trabalho árduo com suas mãos para forjar, para pensar o como fazer, o tempo dispensado e o carinho dispensado, é fazer tudo isso apenas para presentear.

Que todos os orixás e em especial Ogum esteja sempre lhe guiando por caminhos de muitas novas conquistas, caminhos para conquistar, para abrir, caminhos para proteger você e todos mais que estiverem em sua volta.

Que seu pai lhe conceda muito tempo para que sempre consiga visualizar o crescimento de todas as sementes que planta por onde passa, pois cada ferramenta que deixa em cada Ilê, é uma semente de seu pai, forjada pelas suas mãos que vive e que cresce a cada dia. Obrigado pelo carinho e muito axé.

Pai Ronie de Ogum Adioko
Sobre Pai Ronie de Ogum Adioko 686 artigos
Licenciado em Matemática (Uniasselvi), Graduando em Química (UNIP), especialista em Mídias para educação (UFRGS), especialista em história e Cultura Afro (Uniasselvi). É babalorixá no Ilê Orixá, escritor, professor e estudioso da religião de matriz africana.

Seja o primeiro a comentar