Alguns representantes da festa

Já faz mais de um ano, mas no Ilê Orixá a história não é esquecida, pois estamos sempre buscando preservar a história e tudo que já foi vivido no axé, para ao passar do tempo todos puderem rever o que aconteceu, o que foi feito, e desta forma talvez ter maiores condições de entender o presente.

Abaixo algumas fotos que marcaram o toque fechado realizado no dia 24 de março de 2018, em homenagem ao orixá Oya Tofã, uma festa pequena e fechada somente a família religiosa, pois o axé é feito com quem é do axé.

São poucas as fotos, mas o mais importante não é quantidade de foto, ou o tamanho da festividade, mas sim sempre o carinho, o respeito ao sagrado e o amor aos orixás.

Sobre Pai Ronie de Ogum Adioko 769 artigos
Licenciado em Matemática (Uniasselvi), Graduando em Química (UNIP), especialista em Mídias para educação (UFRGS), especialista em história e Cultura Afro (Uniasselvi). É babalorixá no Ilê Orixá, escritor, professor e estudioso da religião de matriz africana.

Seja o primeiro a comentar