Pequena parte da família Ilê Orixá

Carinho, harmonia, respeito mútuo e união são algumas palavras que descrevem a família Ilê Orixá, família que como muitos dizem o sagrado concedeu a cada um. Família que forma a Fortaleza Ilê Orixá, construída pela fé de cada um.

E como toda família existem momentos variados, momentos bons e ruins, momentos de trabalhar, de plantar e também momentos de colher o que se plantou, pois todos estamos sujeitos a falhas e também acertos, mas sempre todos juntos, unidos por um bem maior.

A mesa de Ibeji, como todas as demais obrigações do axé, fazem com que os filhos se unirem cada vez mais, todos com o objetivo em comum de ajudar aos demais se desenvolverem, crescerem e melhorarem, pois não existe forma de fazer religião senão ajudando um ao outro, pois fazer religião é sempre tentar fazer o melhor, para melhorar a vida de cada um ajudar também a comunidade local, para desmistificar a religião e mostrar o quanto ela é bela.

Parabéns a todos os filhos e netos do axé, que prestigiaram e fizeram com que esta obrigação fosse perfeita. Axé a todos e obrigado.

Pai Ronie de Ogum Adioko
Sobre Pai Ronie de Ogum Adioko 671 artigos
Licenciado em Matemática (Uniasselvi), Graduando em Química (UNIP), especialista em Mídias para educação (UFRGS), especialista em história e Cultura Afro (Uniasselvi). É babalorixá no Ilê Orixá, escritor, professor e estudioso da religião de matriz africana.

Seja o primeiro a comentar